11/07/2011 – Segure a ansiedade

A espontaneidade pode ser uma estratégia para quem vai passar por uma entrevista de emprego. Além de mostrar sinceridade na conversa, o candidato ainda pode diminuir o nervosismo quando for responder às perguntas do recrutador.

Passada a fase de envio de currículo e testes, o profissional que procura um novo emprego precisa se submeter à entrevista. Conduzida por recrutadores ou mesmo pelo futuro chefe, a conversa serve para que a empresa conheça mais do perfil do candidato em busca da vaga. Como a formação e a experiência profissional já foram expostas no currículo, a entrevista é o momento de mostrar como o candidato se relaciona com as outras pessoas e seus objetivos com o novo emprego.

Aline Gehl, coordenadora de marketing da Guarida, soube tirar proveito da entrevista. Contratada há cerca de dois meses, passou por uma série de conversas antes de ser efetivada. Foi questionada sobre a disponibilidade de mudar de área (Aline trabalhava no varejo) e provou que tinha o perfil desejado, ao estudar o mercado imobiliário antes mesmo da contratação.

– Não fui questionada diretamente sobre o setor, mas durante a entrevista foram usadas expressões do mercado que eu só conhecia porque havia lido sobre o assunto. Tenho certeza de que isso ajudou na entrevista – conta Aline.

Vanessa da Silva, analista de Recursos Humanos da Guarida foi uma das avaliadoras de Aline. Ela conta que a profissional falou um pouco a mais do que o necessário, provavelmente por ansiedade. No entanto, a atitude não afetou a contratação.

– Ela prestava atenção às perguntas e desenvolvia bem as respostas. Como a área dela é o marketing, era muito importante que conseguisse se expressar bem – diz Vanessa.

O nervosismo, que é comum nessas situações e pode fazer o candidato falar demais, não é visto como um problema, segundo a vice-presidente de marketing da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-RS), Luciane Beretta. É preciso estar atento, no entanto, ao que se diz.

Para se expressar com segurança e sem fugir da pergunta, é importante estar bem informado e mostrar boa cultura geral. Luciane ensina que, para ser contratado, o candidato deve se mostrar interessante, demonstrar ser alguém que a empresa tenha vontade de incluir na sua equipe.

– Também ajuda quando o candidato está motivado e mostra que quer muito aquela vaga e não um emprego qualquer. É mais fácil para a própria empresa defender o profissional, apostar nele – explica.

Fonte: http://www.qualidadebrasil.com.br/noticia/segure_a_ansiedade

Anúncios

0 Responses to “11/07/2011 – Segure a ansiedade”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Siga-nos

Estatísticas do Site

  • 39.766 Acessos

Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 8 outros seguidores

Agenda

julho 2011
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: